GESTÃO DE PROJETOS PARA INTERNET

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×

Gestão é o ato de reunir pessoas ou elementos específicos para atingir os objetivos desejados, utilizando os recursos disponíveis de forma eficiente, além de definir quais os recursos desejáveis para otimização das operações.

Gestão compreende planejamento , organização , recursos humanos, liderança ou direção, o direcionamento de uma organização, grupo, entidade ou iniciativa individual, empenhados em alcançar um objetivo.

Nossa área de atuação é Tecnologia da Informação, que, ao surgir no mercado financeiro, provocou o maior impacto da história moderna, com o advento da internet, que pode ser comparado à inveção da roda ou ao manejo do fogo em outras eras da história da humanidade. Promoveu tal mudança de paradigmas na sociedade, que forçou os vários segmentos a buscarem rápidas soluções, adpatações e atualizações para saírem da área de exclusão. Essa busca foi o diferencial entre as instituições que transformaram-se para buscar a inlcusão, e as que simplesmente se desintegraram. Este último grupo pode ser definido como MODELO CORPORATIVO, nome que hoje é dado a estruturas paquidérmicas, inoperantes, engessadas, imóveis, ainda presas a tomadas por fios, na era do mobile wireless.

Acompanhamos a estruturação e participamos da execução de vários projetos em fase de planejamento e implantação, que, com criatividade e foco em RECURSOS HUMANOS, alavancaram empresas e organizações com características ÚNICAS, tanto no terceiro setor, como OSCIPs e ONGs, quanto em empresas da área TI, prestadoras de serviços na web. Testemunhamos o surgimento de profissões que não existiam há 30 anos: Gerente de SEO, webmanager, webmaster, social media manager, adminstrador de sistemas, analista de sistemas, entre muitas outras. O que no início era um passatempo de nerds, transmformou-se no principal segmento profissional deste século.

Os submenus desta página irão detalhar as áreas de gestão em que prestamos serviços ou consultoria e assessoria, para implantação de MODELOS NÃO CORPORATIVOS para organizações e empresas. Os métodos que fomos forçados a criar, desenvolver e implantar para poder atender à demanda na área de TI, podem ser adaptados para empresas de outras áreas, em todos os segmentos. Para a elaboração de organizações não corporativas é necessário o conhecimento das estruturas do terceiro setor, e até mesmo de estruturaas criadas para projetos culturais e entretenimento.

Um projeto tem suas etapas, e necesita de várias competências para agilizar sua execução, para isso é necesária a formação de uma equipe, ou de equipes integradas. Para que haja cooperação e integração, há necessidade de lideranças que absorvam as tarefas abandonadas ou mal executadas, identifiquem onde o fluxo do processo operacional está lento ou retido e encontrem uma solução para sua desobstrução.

Lideranças, no plural? Sempre. Há necesidade de diversidade de competências na liderança de equipes. Um líder especialista em previsões, organização e programação pode não ter boa performance ao lidar com imprevistos, e nas situações em que é necessário ser criativo e improvisar. Às vezes a solução de um impasse está em trocar posições e inverter competências, o que requer uma liderança voltada ao perfil e ao comportamento dos componentes da equipe. Isso significa que também as lideranças necessitam de manejo.Gestão

Estabelecer metas e cunprí-las, criar cronogramas e executá-los, estabelecer e cumprir prazos, otimizar custos e recursos, exercer e sofrer pressão e também repassá-la. Absorver as baixas de equipes instáveis, distribuir ou acumular tarefas… e o mais difícil: tomar decisões e arcar com suas consequências. Este é o papel do GESTOR DE PROJETOS.
%C6%F7%BD%BA%C6%AE%C5%B0%BF%F6%B5%E5