TREINAMENTOS

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×

shutterstock_4063240

Selecionar, organizar e treinar equipes não é uma tarefa simples. Desta competência depende a estabilidade e viabilização de qualquer projeto. Na área de TI existe uma necessidade de treinamento permanente, pela instabilidade das equipes. Para a segurança dos projetos torna-se necessário ter substitutos disponíveis numa quantidade maior do que em outros setores. É comum ver empresas grandes de TI recrutando desenvolvedores e técnicos de todo tipo, não só em seus países de origem, mas pelo mundo afora. A remuneração é alta com o objetivo de alcançar alguma estabilidade nas equipes.
Existe no setor de TI uma deficiência também na formação de equipes para a área comercial, e de profissionais que participem de reuniões presenciais com os clientes, as REUNIÕES DE PROJETO.

O tempo que um desenvolvedor dispende em reuniões presenciais é subtraido de um cronograma invariavelmente apertado para o exercício de sua competência, e sempre é fatal para os projetos, custando caríssimo em todos os sentidos. Foi necessário desenvolver uma metodologia para capacitar um outro elemento, com conhecimento médio da área suficiente para viabilizar seu treinamento, a fim de representar os desenvolvedores em reuniões presenciais com clientes, e que traga aos técnicos as necessidades do cliente de maneira mais objetiva, tornando-se intermediário entre os que são totalmente leigos e os desenvolvedores. Um representante comercial da área de TI não pode ter perfil de usuário ou operador de sistemas. Encontrar alguém com esse perfil e treiná-lo é tarefa mais difícil ainda…
999_765_csupload_40482691